domingo, julho 24, 2005

Procura-se

Procura-se outro lugar, outro tempo, outros seres.
Procura-se uma porta para abrir, fechar e sair.
Procura-se um sorriso noutra face, noutro espaço e noutra constelação.
Procura-se uma linha mágica, de cor azul para coser alma rota, aos pedaços.
Procura-se morrer para continuar a viver.
Procura-se o cais de embarque.
O bilhete está pago.
Não falta nem um cêntimo!
Todas as etapas burocráticas estão percorridas…
As vacinas estão em dia…
Tenho pressa de partir!